gpfDOZE
e meio.

domingo, março 02, 2008

dez_ um amor grand'hotel. a promoção do dia vai pra quem consegue me explicar o que raios é um amor grand'hotel.

minha primeira ida a irlanda foi mais rápida do que eu gostaria - quatro dias, que acabaram reduzidos para dois para maximizar o tempo com meu pai e meu mano. justo. no entanto, foi o bastante para virar o teaser perfeito para o St. Patrick's Day, em março, comemorado desde 2004 pelos pubs de são paulo.

o ápice da viagem, certamente, foi ficar na casa de alguém pela primeira vez de couchsurfing. eu, que já havia hospedado cinco pessoas em Lisboa, estaria sendo o hóspede pela primeira vez... e acho que talvez por essa falta de costume minha estadia não tenha sido como eu imaginava. não por falta de receptividade - o Rory é provavelmente a pessoa que mais recebeu couchsurfers do site, é campeão em dicas, culinária e em passeios, alem de ser mega simpático. o fato é que eu, realmente, não sabia o que esperar, e dois dias foram pouco tanto para me soltar quanto para fazer amizade com ele, que infelizmente estava com bastante trabalho na época. uma pena, mas nada que tenha deixado a experiência ruim.

pelo contrário! na casa dele estavam também um americano e um croata, com o qual saí de noite pela primeira vez pelo Temple Bar (aquele que, num futuro próximo, seria minha terceira casa). com direito a pub, musica ao vivo, balada e até presenciar, debaixo de frio e chuva, um drunk fight tipicamente irlandes de madrugada. e, no outro dia, o show do Dropkick Murphys, o primeiro dos motivos pela fatídica viagem.

dois dias depois, toca acordar quatro e pouco da manha para andar até o ponto de onibus, ir até o aeroporto para pegar o pau de arara voador (ryanair!) e seguir para Bruxelas, que acabei conhecendo inteira em um dia por um infortunio do destino - o que era para ser o centro de Bruxelas, que fiz questão de caminhar durante o dia, acabou se transformando em toda a cidade! valeu pelas batatas fritas (que são belgas, e não francesas) baratas e deliciosas; pela peculiaridade da cidade, que realmente não era o que eu imaginava; pelo segundo motivo da minha viagem, o show do Streetlight Manifesto (e do RBF). O passeio pelo bairro árabe voltando do show no caminho do hostel não valeu, mas isso são águas já passadas. no fundo, bruxelas merece mais do que esse parágrafo e um dia não foi o bastante, já que a cidade é bem bonita.

mais um dia acordando quatro e meia da manhã, e bora para mais um pau de arara voador, agora para madrid e em seguida santiago de compostela - esse sim, por algo que pode se chamar avião, vueling altamente recomendada! agora, com pai e irmão - e o tempo definindo efetivamente que não iriamos fazer caminho algum, e sim rodar a Espanha de carro - fizemos nosso percurso, passando também por Salamanca, Madrid, Cáceres, Setúbal, uma nevasca, algumas Plazas Mayores e restaurantes de beira de estrada.

devo ressaltar que a Espanha (assim como Portugal) nunca foi um grande desejo de visita meu. e, felizmente, tive todas as minhas espectativas quebradas ao encontrar um país muito bonito, agradável e, até certo ponto, receptivo. uma ótima viagem familiar. destaca-se Santa Cruz del Valle de Los Caidos, a gigantesca catedral escavada em um monte feita por Franco, proximo a Madrid.

e o que acaba de me ocorrer é que é muito chato resumir viagens em um parágrafo. por exemplo, a espanha foi a maior parte da minha viagem e ganhou o menor dos textos... não é um comentário que fica sequer próximo da altura devida. aliás, é o motivo pelo qual eu parei de tirar foto dentro de igrejas: são tantas, mas tão maravilhosas e tão bonitas que, sinceramente, foto alguma serve como referência. deixo os detalhes para os encontros etílicos posteriores.

após rápida passagem por Setubal, o retorno a Lisboa, a primeira feijoada feita em casa e, inexplicavelmente, um sorriso não-esperado de orelha a orelha... foi a primeira vez que eu, sem querer, disse: "estou de volta em casa"...

...enfim.

8:49 AM.

 

 

/// comentários [4]

Blogger Juliana, 1:15 AM \\\

Não sei por onde começar...
bom, pelo começo.. vc postou bem no dia do aniversário da dayana, hahaha.
Segundo, estou com saudades.
Terceiro, vai ter interusp,.. e vc não vai, né? Blah!
Quarto, vc precisa ver o novo comercial da johnson é muuuuuuuuuuuuuito legal.
Quinto, como assim vc está dormindo na casa de um cara muuuuito simpáatico, acho q teremos muito o que conversar quando voltar..
Sexto, muito legas as suas narrações de viagens, apesar de curtas, dá pra perceber quais foram as melhores e etc, a quantidade de palavras não importa.

Anonymous Bio, 1:01 PM \\\

Agora quando o adversário entra no campo, a torcida do Santos toda grita: "ÔôÔ ôÔô! Bem vindo ao inferno! ÔôÔ ôÔô! Inferno santista!"

Eu ia te fazer inveja com isso, mas aí venho aqui e você me fala de igrejas fodonas e streetlight manifesto. hahahaha

Billy, você ainda usa chinelos ao maior estilo caiçara de ser? (não é uma pergunta retórica. quero saber, mesmo!)

Saudações alvinegras, caiçaras e com saudades!

Blogger Fábio [Bio], 1:02 PM \\\

E realmente, esse papo de anfitrião 'muito simpático' e que não teve tempo pra 'se soltar' tá meio estranho!

Esses hábitos europeus tão te mudando tanto assim? :*

Anonymous yaso, 11:08 PM \\\

"deixo os detalhes para os encontros etílicos posteriores" Isso lhe será cobrado.

Postar um comentário || Home

gpf, by billy.